web analytics

tuga.press

As principais notícias do dia estão aqui.

Máscara cirúrgica descartável deve ser renovada de quatro em quatro horas e sempre que estiver húmida


Já imaginaste a despesa que será renovar estas máscaras? Pois se não as renovres, não te estás a proteger.

O alerta foi lançado nas redes sociais mas já se sabia disto desde março. No entanto, poucas são as pessoas que trocam as máscaras, uma vez que esta prática será certamente dispendiosa.

Numa altura em que famílias inteiras ficam desempregadas, é preocupante vermos que estas coisas que estão a acontecer com o vírus podem vir a agravar ainda mais o orçamento familiar das pessoas.

Assim, e de acordo com a DGS, estas são as recomendações para o uso de máscara descartável:

“Substitua a máscara por uma nova, se esta estiver húmida, higienizando as mãos entre as duas tarefas. Idealmente não deve usar a máscara durante mais de 4 horas seguidas”,

A higienização das mãos deve ser feita com “água e sabão ou uma solução à base de álcool antes de colocar o equipamento de proteção individual e depois de o retirar”. O lado azul da máscara deve ficar para o lado de fora e a banda flexível deve ser ajustada na cana do nariz, “garantindo que boca, nariz e queixo estão cobertos”.

E tu, que usas máscaras descartáveis, cumpres esta recomendação da DGS?


15/10/2020
Compartilhe no Facebook