web analytics

tuga.press

As principais notícias do dia estão aqui.

Médicos adormecem durante operações

Share on Pinterest

Clínicos em estado de exaustão não conseguem manter-se alerta.

Há médicos que adormecem enquanto estão a realizar cirurgias nas Urgências, colocando em risco os doentes.

O alerta é do bastonário da Ordem dos Médicos, José Manuel Silva, que responsabiliza o estado de exaustão em que se encontram os profissionais devido à falta de recursos.

“Já aconteceu médicos adormecerem até durante o ato cirúrgico e serem despertados pelo outro cirurgião, porque estão numa situação de cansaço extremo”, revela ao CM, dando como exemplo “o caso de um médico que só acordou ao bater com os olhos no microscópio”.

Para o bastonário, os médicos não gozam os descansos compensatórios: “Em especial os internos, que são obrigados a trabalhar além dos limites. Não é possível trabalhar 24 horas seguidas sem pausas.

A reação de José Manuel Silva surge após a notícia do CM, a dar conta de um médico encontrado por uma utente a dormir no gabinete da Urgência do Hospital de Setúbal. Nestas situações, “a Ordem não pune o médico por compreender o esgotamento físico” em que se encontram. “As Urgências funcionam abaixo dos mínimos e, nas férias, um terço dos profissionais está ausente”, refere o bastonário.

Acrescenta que o trabalho na Urgência exige níveis de concentração impossíveis quando em “cansaço extremo”. Ao CM, o ministério diz ter em concurso 736 vagas para médicos. O CM contactou a Inspeção-Geral da Atividades em Saúde, mas até ao fecho da edição não obteve qualquer resposta.

Fonte: CM

Share on Pinterest

19/08/2016
Compartilhe no Facebook