web analytics

tuga.press

As principais notícias do dia estão aqui.

Nasceu no Minho marca que transforma lixo das praias em calçado


Foi criada com o nome Zouri e é uma marca de calçado original. Utiliza o lixo do oceano para criar sandálias e ténis. O calçado é 100% fabricado em Portugal.

Na Zouri não entra ainda qualquer produto animal. Adriana Mano, a criadora da marca, tem várias preocupações éticas e ambientais que trouxe para a empresa.

A paixão pelo mar e o ambiente e o sonho de conseguir limpar o oceano trouxeram a Adriana a ideia de criar a empresa. Por já ter o conhecimento da área do calçado e com recurso a crowdfunding, conseguiu angariar dinheiro para construir calçado de plástico recolhido na praia.

Foi numa ida á praia que, com a ajuda de um sócio, que, entretanto, se afastou das lides da empresa. Começaram a pensar em formas de ajudar o ambiente e remover o lixo da praia e até à criação da empresa foi num instante.

Quando tentou contactar Câmaras Municipais da região e a Universidade do Minho ficaram pouco satisfeitos com a resposta: “Ficámos desiludidos, porque eles disseram que não fazem nada sem investimento”.

Começaram a trabalhar com a Câmara de Viana, onde será feita, brevemente, uma limpeza experimental. “É, claramente, um projeto local”.

“Não tivemos qualquer apoio, foi tudo investimento nosso, até agora, e ninguém vive da Zouri”, confessa Adriana.

As primeiras sandálias foram feitas por um artesão mas depressa se tornou mais fácil a construção deste calçado. Podes acompanhar a história completa no site do Semanário V.


21/04/2019
Compartilhe no Facebook