web analytics

tuga.press

As principais notícias do dia estão aqui.

O texto que se está a tornar viral: “Eu não ajudo a minha mulher em casa”


A conversa de duas senhoras no supermercado fez um psicólogo espanhol morder a língua e o que não respondeu na altura transformou-se num texto no seu blogue que, rapidamente, abriu uma enorme discussão online

O texto está a tornar-se viral, mas não pelos motivos que pensas.

O psicólogo Alberto Soler tornou a discussão viral ao partilhar um artigo no seu blog, que se encontra agora traduzido pela Visão:

“Eu não ajudo em casa, eu faço parte da casa”, começava por explicar. “E não, eu não ajudo a minha mulher com as crianças porque não posso ajudar alguém com uma coisa que é da minha inteira responsabilidade.”

“Quero que meus filhos cresçam sem saber se passar a ferro é uma coisa de homens ou mulheres. Que eles não saibam se ir lavar a casa de banho é tarefa do pai ou da mãe. Que não associem a cozinha ao feudo de ninguém, nem o aspirador, dobrar roupas ou arrumar os armários.. Que não haja um “chefe” da casa, e vivam da maneira mais feliz possível.”

“Por isso não, minhas senhoras, não ajudo a minha esposa com os filhos. Nem com a casa. Estou com eles no supermercado e ando com eles às compras porque são meus filhos e me acompanham onde quer que eu vá. Troco as suas fraldas, dou-lhes banho, levo-os ao parque ou preparo a comida deles não para ajudar minha esposa, mas porque são meus filhos, é a minha responsabilidade e quero que cresçam com um modelo familiar e uma distribuição de tarefas diferente daquela que as senhoras e eu tivemos.”


28/11/2019
Compartilhe no Facebook