web analytics

tuga.press

As principais notícias do dia estão aqui.

Pedófilo estrangulado até à morte e encontrado com preservativos na garganta


O seu nome era Richard Huckle e cumpria 22 penas de prisão. A prisão era perpétua, pelo crime de abusos e ataques sexuais a 200 crianças.™

Richard Huckle estava a cumprir pena em Inglaterra, na prisão de Full Sutton, em Yorkshire.

Foi detida uma pessoa que matou também aquele que era considerado o “pior pedófilo do Reino Unido” e alegadamente estava ligado à mort de um outro pedófilo que já foi notícia no Tuga.press.

Apesar do crime ter sido cometido em outubro do ano passado, apenas no início do ano fok detido um homem de 29 anos suspeito do crime.

De acordo com o Correio da Manhã, “Huckle era fotógrafo freelancer e vendia as imagens das suas vítimas na ‘dark web’. O pedófilo gabava-se na Internet de que era mais fácil abusar de crianças pobres na Malásia do que as ricas de origem ocidental”.

Na altura em que este pedófilo tinha sido detido, estava a escrever um tutorial de como abusar de crianças e não serem apanhados. Pelos vistos as “dicas” que ele deu não chegaram a bom porto, porque ele foi… apanhado. E ainda bem!

Por um número gigantesto de crimes, foi condenado a 22 prisões perpétuas em 2016.

A sua morte está envolvida em contornos estranhos. Há quem diga que foi esfaqueado com uma lâmina improvisada e outras pessoa que dizem que ele foi apenas estrangulado. Como desfecho talvez dos seus crimes, quando ele foi encontrado viram que tinha vários preservativos na garganta.

 


18/01/2020
Compartilhe no Facebook