web analytics

tuga.press

As principais notícias do dia estão aqui.

Portugal conquista 10 medalhas nos Europeus de Atletismo de Deficiência Intelectual


Lenine Cunha é mais uma vez a estrela. Conquistou a sua 200.º medalha e é dos atletas paralímpico mais medalhados do mundo.

Portugal volta-se a estrear em mais medalhas em provas que vão para além do futebol. Não é apenas num dos “F” de Portugal que Portugal faz conquistas.

Desta vez, Lenine conquistou o bronze nos 60 minutos barreiras.

As outras medalhas foram conquistadas nos Campeonatos Europeus de atletismo de pista coberta da Federação Internacional para Atletas com Deficiência Intelectual (INAS).

Depois da ‘prata’ no triplo salto e no pentatlo, Cunha chegou à 200.ª medalha em provas internacionais com o ‘bronze’ nos 60 metros barreiras, antes de somar a 201.ª e 202.ª no salto em comprimento e na estafeta 4×200 metros, acompanhado por Carlos Freitas, Carlos Lima e Sandro Baessa, revelou a SIC Notícias.

Já Carina Paim que venceu o Europeu 2018 voltou a ganhar a medalha de Ouro, desta vez em pisca coberta.

Ana Filipe terminou em primeiro lugar nos 60 metros barreiras. Sandro Baessa ganhou o bronze nos 400 metros e estafeta 4×200. Afonso Rol sagrou-se vice-campeão dos 3.000 metros marcha e na mesma modalidade Joana Silva foi medalha de bronze na prova feminina.

Apenas no primeiro dia, dos 11 atletas, foram quatro medalhas conquistadas.


27/05/2019
Compartilhe no Facebook