web analytics

tuga.press

As principais notícias do dia estão aqui.

Presidente da Câmara condenado a perda de mandato

Share on Pinterest
O Tribunal de Guimarães condenou hoje Joaquim Mota e Silva, presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, distrito de Braga, a três anos de prisão, com pena suspensa na sua execução, e à perda de mandato.

Ao vereador Inácio Silva foi aplicada a mesma pena, três anos de prisão com pena suspensa e perda de mandato.

Em causa está um crime de prevaricação, relacionado com a adjudicação de serviços de assessoria financeira ao pai do presidente da câmara municipal.

O presidente Joaquim Mota e Silva e o vereador Inácio Silva, ambos arguidos neste julgamento, estão acusados por um crime de prevaricação, relacionado com uma avença celebrada no final de 2009 com o pai do líder do executivo.

O Ministério Público considerou que os arguidos determinaram que o município contratasse serviços de consultoria na área das finanças, economia e gestão com uma empresa pertença do pai de um do presidente da câmara.

De acordo com a acusação, as decisões dos arguidos ocorreram “ao arrepio das regras de contratação e com intenção de o favorecerem patrimonialmente”.

Fonte: SIC Notícias

Share on Pinterest

05/07/2018
Compartilhe no Facebook