web analytics

tuga.press

As principais notícias do dia estão aqui.

Quem é afinal Cristiano Ronaldo? O texto que está a correr o mundo

Share on Pinterest

Neste momento difícil para o melhor jogador do mundo, parece que muitos já se esqueceram, ou que simplesmente não querem saber, de tudo o que Cristiano Ronaldo já fez pelos outros. Sem esquecer que pôs o nosso Portugal nas bocas do mundo pelas melhores razões, várias vezes sem conta, durante os últimos anos.

Muitos podem pensar que Cristiano Ronaldo é arrogante, tem o nariz empinado, é egocêntrico e exibicionista mas, na verdade, Cristiano Ronaldo tem uma faceta ignorada por muitos, que o tornam num Ser Humano  incrível. O melhor jogador do mundo, já provou em diversos momentos da sua carreira que, por trás de sua pose de melhor do mundo, há uma pessoa muito humilde e com um coração enorme.

Segundo a ONG “Athletes Gone Good”, Cristiano, que representa atualmente a Juventus, é o atleta que mais doa dinheiro para instituições de caridade ou pessoas que necessitam de ajuda. Encontra-se à frente de nomes como John Cena, Serena Williams, Yuna Kim, Neymar, LeBron James, Maria Sharapova, e muitos mais.

Em primeiro lugar, é importante destacar o facto de Ronaldo doar várias vezes sangue, razão pela qual não tem tatuagens, caso contrário teria de esperar entre três a quatro meses após a realização da última tatuagem para prevenção de infeções. O jogador passou também a ser dador de medula óssea na altura em que soube que o filho do jogador português Carlos Martins necessitava de um transplante.

O seu primeiro gesto de caridade mais notório surgiu em 2004, quando viu uma vítima do tsunami na Indonésia, em 2004, com a sua camisola de Portugal vestida, Cristiano Ronaldo voou até lá e ajudou a arrecadar fundos para a reconstrução do país. Foi o primeiro grande gesto do melhor do mundo, que passou a fazer silenciosamente diversos gestos de caridade. Em 2008, doou dinheiro às Ilhas Madeira, onde nasceu e cresceu.

mw-320

Cristiano Ronaldo foi também responsável pelo pagamento de uma cirurgia para corrigir uma anomalia no cérebro de uma criança com apenas dez meses. De acordo com o jornal AS, o internacional português resolveu desembolsar 60 mil euros para pagar a operação de Erik Ortiz Cruz.

garoto-de-10-meses-tera-de-passar-por-uma-cirurgia-1394567137084_615x300

Um dos seus contributos mais marcantes, foi quando venceu a Bota de Ouro de 2011, fruto dos seus 40 golos na liga espanhola, e doou o troféu à fundação Real Madrid que o leiloou por 1,5 milhões de euros, tendo o dinheiro sido usado para reconstruir escolas em Gaza, na Palestina.

7396bt8wqa_3crpcxtu6h_file

Dois anos depois, leiloou uma réplica da Bola de Ouro de 2013, que rendeu cerca de 600 mil euros que reverteram a favor da associação “Make a Wish”. Ainda no mesmo ano, o melhor futebolista do mundo doou à Cruz Vermelha o prémio de 100 mil euros recebido da UEFA, por fazer parte da equipa do ano, tendo no ano seguinte dividido entre três organizações o prémio de 450 mil euros que o Real Madrid lhe havia atribuído pela vitória na Liga dos Campeões.

manchester-united-s-ronaldo-poses-with-ballon-d-or-trophy-ahead-of-their-champions-league-soccer-match-against-aab-aalborg-in-manchester_637044

Num jogo amigável contra o Bournemouth, em julho de 2013, um remate de livre cobrado por Cristiano Ronaldo atingiu o braço de um menino com tanta força que ficou fraturado em dois lugadres. Após saber o desfecho, Ronaldo ofereceu ao menino uma bola e uma camisola do Real Madrid autografada pela equipa inteira do Real Madrid.

ronaldo-breaks-fans-arm

Em 2013 Cristiano Ronaldo doou o prémio de 100 mil euros que recebeu da UEFA por fazer parte da Equipa do Ano da entidade para um programa de reabilitação física que a Cruz Vermelha tem no Afeganistão.
“Para o Comité, é um prazer receber este apoio do programa de reabilitação. Ficamos felizes em saber que a ajuda às pessoas que perderam membros seja uma prioridade da UEFA e de estrelas como Cristiano Ronaldo”, declarou a diretora de Recursos Humanos da Cruz Vermelha, Caroline Welch-Ballentine.

pgmxokpbm_71rns7iwpf_file

Num jogo amigável entre Real Madrid e Chelsea, Gjoka invadiu o campo, em Miami, para abraçar o craque português, e por isso, foi detido pela polícia e posto na prisão.

Ao saber disto, Cristiano Ronaldo enviou uma carta à polícia do país a pedir que ‘libertasse’ o rapaz de duas acusações criminais.”Compreendo a necessidade de fazer com que a lei seja cumprida, mas peço a vocês que retirem as duas acusações contra este jovem”, afirmou Cristiano, segundo o site Mais Futebol.

Poucos dias depois de ser detido no campo, Ronald Gjoka postou um vídeo no Youtube a revelar que virou ‘ídolo’ de Cristiano Ronaldo na prisão por ter conhecido um dos melhores jogadores do mundo.

ronald-gjoka-invade-o-gramado-e-abraca-cristiano-ronaldo-na-partida-entre-real-madrid-e-chelsea-1376233746929_615x470

Recentemente, Ronaldo pagou tratamentos de 370 pessoas feridas nos incêndios, informações que foram revelada pela irmã de Ronaldo no Facebook. 370 vítimas dos incêndios em 2017 tiveram os tratamentos médicos pagos pelo jogador.

ng-6e077202-f3da-490b-8aa3-389cf80857f0-1024x681

Tirando estas ações de Cristiano Ronaldo, ele ainda contribuiu por inúmeras vezes com donativos generosos a várias instituições de caridade, pessoas, e até países que se encontram em guerra.

Isto demonstra que além de um grande jogador, talvez o melhor de todos os tempos, Cristiano Ronaldo é também uma enorme pessoa com um grande coração, que ajudou e continua a ajudar pessoas e organizações pelo mundo a fora.

Fonte: Bombeiros24

Share on Pinterest

07/10/2018
Compartilhe no Facebook