web analytics

tuga.press

As principais notícias do dia estão aqui.

Retrato oficial de Assunção Esteves custa 15 mil euros à Assembleia da República

Share on Pinterest

Assunção Esteves escolheu uma pintora espanhola, freira, para pintar o seu retrato. O quadro da antiga ex-presidente da Assembleia da República será exposto num dos corredores do edifício.

A pintura não está ainda concluída – estima-se que o seja até ao final do ano – mas é já conhecido o seu valor. 15 mil euros é o montante que a Assembleia da República pagará pela pintura.

Esta é, de acordo com o assessor de imprensa do Presidente da Assembleia da República, uma prática comum a todos os que ocupam aquele cargo, à semelhança do que acontece, por exemplo, com os Presidentes da República, no Palácio de Belém.

Geralmente, todos os deputados com assento no Parlamento são convidados para assistir à colocação da obra de arte num dos corredores.

De acordo com José Pedro Pinto, não há um limite para o custo dos quadros expostos na Assembleia da República. “Impera o bom senso”, explica.

É, em todo o caso, tido em conta que a pintura “ficará para sempre na Assembleia, pelo que deve ter o mínimo de dignidade artística”.

Quem não gostou desta escolha e já teve a oportunidade de o manifestar foi o deputado socialista Ascenso Simões.

Aliás, “estupefacto”, foi como se declarou. “Não antecipo as razões que levam a que se encomende, pelo preço de 15 mil euros, um retrato do tipo ‘a la minute’ para colocar numa galeria oficial”, escreveu na sua página de Facebook, rematando: “A Assembleia da República exigia melhor à entrada, à saída e também nos corredores da memória.”

 

Fonte: Notícias ao Minuto

Share on Pinterest

06/08/2016
Compartilhe no Facebook