web analytics

tuga.press

As principais notícias do dia estão aqui.

Um Português ajudou Bill Gates a criar sanita inteligente que vai revolucionar o mundo


É uma notícia estranha mas que mostra que um pouco por todo o mundo os Portugueses estão presentes e a dar cartas.

Quando em Novembro Bill Gates resolveu, numa cimeira na China, apresentar alguns produtos inovadores relacionados com saneamento, o Português Pedro Talaia decidiu dar uma ajuda.

Em declarações ao Público, disse que “a parte de trás é a de processamento e a que vai garantir uma grande capacidade de higienização”.
E sim, estava a falar de uma sanita.

Denominada de “sanita de nanomembrana” e Pedro trabalha nesta inovação há mais de dois anos a partir do Reino Unido, na Universidade de Cranfield.

Bill Gates “adora” esta sanita, diz o mesmo jornal, criada pela equipa do qual Pedro faz parte e que criou um protótipo funcional desta sanita que não precisa de saneamento nem de eletricidade.

Mas o que tem esta sanita de especial? Por não precisar de água ou eletricidade, permite o seu “envio” para qualquer parte do mundo onde esta seja precisa e o saneamento seja inexistente. De acordo com a Unicef, cerca de 900 milhões de pessoas fazem necessidades ao ar livre sendo que dessas pessoas 150 milhões estão na Índia.

Os resíduos líquidos são transformados em água que pode ser utilizada para rega mas que (ainda) não está preparada para beber, enquanto os resíduos sólidos são transformados em cinza que pode ser utilizada como fertilizante, depois de serem secados e incinerados.

Esta é mais uma prova de que os Portugueses, onde quer que estejam, estão a dar cartas pelo mundo fora.

Se quiseres saber mais informações sobre esta sanita inovadora vê este vídeo ou o artigo do Publico:

 


13/12/2018
Compartilhe no Facebook