web analytics

tuga.press

As principais notícias do dia estão aqui.

Uma sardinha no pão chega a custar 5 euros no Santo António

Share on Pinterest

A sardinha é a grande figura dos Santos Populares, e num ano marcado pelas limitações na pesca, quem for para os arraiais de Lisboa, para celebrar o Santo António, pode esperar um aumento de preços. Há casos em que uma sardinha no pão chega a custar 5 euros.

Os preços a pagar por uma sardinha, no Santo António, podem variar entre 1,50 euros e quatro euros, mas nalguns casos os preços chegam aos cinco euros, segundo dados apurados pelo jornal i no bairro de Alfama.

Este bairro lisboeta é especialmente procurado por turistas, o que pode ajudar a explicar este preço inflacionado. Mas as limitações impostas à pesca de sardinha, neste ano, também são uma justificação.

“Os preços sempre aumentaram, nesta altura, porque a procura é sempre muito elevada, mas se há uns anos atrás era possível duplicar a quantidade que era pescada para responder às necessidades, actualmente não é possível”, explica ao i João Almeida, da Federação dos Sindicatos do Sector da Pesca (FSSP). “A lei da oferta e da procura leva a este tipo de situações”, considera.

Mas, na maioria dos casos, o preço da sardinha ainda se situa nos 1,50 euros, como noutros anos.

Predomina a sardinha congelada

A comerciante Raquel Chaves, responsável pelo “Retiro Tia Alice”, em pleno bairro de Alfama, explica à Agência Lusa que o preço da sardinha nas docas “subiu um pouco”, em relação ao ano anterior, mas que houve necessidade de manter os valores na venda ao público porque a adesão por parte dos turistas “está fraca só por si”. “Nota-se bastante, tanto nas mesas como na rua”, lamenta.

Raquel Chaves acrescenta que o “Retiro da Tia Alice” compra sardinha congelada, uma vez que a fresca “não vale a pena, porque fica seca quando vai à chapa”.

No “Retiro da Recoqueira”, Ana Palma também está a vender a sardinha a 1,50 euros a unidade, preço que se mantém igual “há sete anos”.

“As pessoas já se queixam que vir aos Santos é caro. Enquanto der para manter, vamos deixar assim o preço”, sublinha Ana Palma que também compra sardinha congelada “porque é mais prático”.

O “Retiro Tia Beatriz” também trabalha “mais à base de sardinha congelada, mas boa”, diz à Lusa a responsável do espaço, Cecília Lopes.

O “Retiro Mãe e Filhos”, localizado no centro do arraial de Alfama, é um dos mais procurados pelos turistas, e Tina Costa, a responsável, diz que a sardinha está entre um euro e 1,50 euros. O peixe é “fresco”, garante, revelando que, por dia, são vendidas “umas cinco caixas”, com “à volta de dez quilos” cada.

O ponto alto das Festas de Lisboa deve acontecer entre terça-feira e quarta-feira, e até ao final do mês há arraiais por toda a cidade.

Fonte: ZAP

Share on Pinterest

12/06/2018
Compartilhe no Facebook