web analytics

tuga.press

As principais notícias do dia estão aqui.

Voluntários precisam-se para plantar 30 mil árvores no Pinhal de Leiria


Depois dos incêndios que deixaram o Pinhal de Leiria como uma zona devastada, eis que existe uma solução para isso.

Plantar 30 mil árvores no Pinhal de Leiria é o objetivo da associação “Sauvons le Pinhal Real” (“Vamos salvar o Pinhal do Rei” em português).

E este desafio está a ser realmente levado a sério pela população e as pessoas envolvidas.

Tudo começou com o desafio de uma luso-descendente, Joana Conde, com raízes na localidade de Boa Vista, Leiria.

A associação foi criada dois meses depois do desastre que devastou o Pinhal de Leiria, em outubro de 2017.

De acordo com o Região de Leiria, “ela, que vive em França e trabalha na multinacional Total, sempre nutriu um particular carinho pelo Pinhal do Rei. ‘É uma zona muito especial e [a sua destruição] comoveu-me imenso’”.

De acordo com a mesma fonte, a luso-descendente pediu os “apoios financeiros da Fundação Total, no âmbito de um dos seus programas de responsabilidade social na área da floresta e do clima, e ganhou um prémio de 6.000 euros. Além da aprovação do júri, o projeto, submetido a votação no seio da empresa, foi também eleito pelos colaboradores”.

As árvores vão ser fornecidas pelo Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) que se associou a esta iniciativa. O custo da limpeza e preparação do terreno será assumido por Joana Conde em parceria com a empresa Normas Verdes.

Queres ajudar a plantar uma árvore? Então é muito simples. Adere a este evento de Facebook com o nome Açao de Reflorestaçao no Pinhal de Real.

Podes também aderir ou tirar alguma dúvida pelo e-mail sylvie.gaspar@argedis.fr.


23/01/2020
Compartilhe no Facebook